Vitor Santos mantém-se como Embaixador da Ética no Desporto para os próximos anos

Foi, na última semana, publicada a listagem dos embaixadores da ‘Ética no Desporto’, para os anos de 2024 e de 2025, designados pelo Conselho Diretivo do Instituto Português do Desporto e Juventude. Vítor Santos, vice-presidente do Conselho de Arbitragem da Associação de Futebol de Viseu, integra a listagem.

“Senti-me honrado, e surpreso, quando recebi, pela primeira vez, no ano de 2018, o convite para ser embaixador da ‘Ética no Desporto’.  O reconhecimento do meu trabalho deu-me força para continuar quando muitos achavam que não valia a pena.Agora, mais honrado me sinto quando integro a listagem, para os anos de 2024 e de 2025, que contempla, uma vez mais, o meu nome. São 6 anos com várias publicações premiadas pelo Clube Nacional de Imprensa Desportiva e PNED, dezenas e dezenas de ações em clubes, associações e escolas. Centenas de quilómetros.  Muitas outras ficaram por fazer por motivos profissionais”, refere Vítor Santos, em comunicado.

“Na qualidade de Embaixador, comprometi-me a participar ativamente na persecução dos desígnios do Programa Nacional de Ética no Desporto, com todos os seus intervenientes, designadamente na promoção e vivência dos valores no desporto que prometi defender em todas as situações em que participei, a nível profissional, desportivo e como cidadão. Tenho a convicção e feedback que tenho cumprido”.

Em 2023, “integrar a Comissão de Ética dos Jogos Desportivos de Viseu 2024, organizados pelo Município de Viseu e receber uma Distinção de Mérito, atribuído pela Autoridade para a Prevenção e Combate à Violência no Desporto (APVCD), pelo reconhecimento do meu trabalho no âmbito da promoção da Ética no Desporto, foram incentivos que reforçaram a minha crença no caminho que estou a percorrer”, acrescentou, frisando que “Ética no Desporto continua a ser uma causa que me motiva”.